NO AR
Gerais

Vital apoia pleito de criação da Escola Paraibana de Medicina em Patos

15/09/2011 às 17:09

O Senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) recebeu, em seu gabinete em Brasília, o Dr. Rui Pontes Filho, médico patoense membro do Grupo Independente de Análise e Ação Social, e Política – GIAASP. Durante a oportunidade, Rui pleiteou a criação da Escola Paraibana de Medicina, pela Universidade Estadual da Paraíba – UEPB, em Patos.

O curso de medicina já é cadeira fixa em Cajazeiras, mas conta apenas com 30 vagas por ano, realidade que destoa do projeto inicial, que prevê 100 estudantes para o mesmo período no sertão paraibano. “Pela deficiência do sertão na disponibilidade de médicos profissionais, enxergamos a necessidade de pleitear a instalação da Escola de Medicina.

Patos já possui a infraestrutura necessária: temos o único hospital no interior do NE que com maternidade neo-natal; o Hospital Regional ampara todo o atendimento de traumatologia, cardiologia, neurologia; temos o serviço completo do IML; e temos demanda,” avaliou Rui.

O médico ressaltou que, pela localidade privilegiada, Patos atende 127 municípios, totalizando mais de 1 milhão de habitantes. Portanto, a instalação do curso em Patos promoveria o desenvolvimento regional em área ampla.

Vital do Rêgo se disponibilizou para apoiar o pleito. “Precisamos garantir a viabilidade de implantação do curso. Vou levantar o pleito na próxima reunião de bancada, para operacionalizarmos as medidas necessárias para dar celeridade ao processo,” afirmou o Senador.

Outro pleito que deve ser debatido na próxima reunião é a conclusão da Clínica de odontologia no município. De acordo com Rui Pontes, o  município aguarda o relatório do reitor Thompson Mariz das condições necessárias para dar continuidade à obra.

Aeroporto de Patos

A 30 km ao norte de Rio Grande do Norte, mesma distância ao sul de Pernambuco, Patos conta com uma localização estratégica para abrigar um aeroporto. O superintendente de engenharia da Infraero, Armando Schneider Filho, elaborou plano de inclusão do município nas rotas emergenciais de vôos com urgência para pouso.

A medida visa a previsão de desastres, tendo em vista que estender as rotas para as capitais poderia implicar em graves acidentes. Há, ainda, previsão de construção de saguão de embarque e desembarque para o município, bem como a instalação da brigada dos bombeiros.

 

 

Fonte: Ascom

Postada por Higo de Figueirêdo

Comentários

Mais da Rádio Espinharas

Gerais

Cadela passa por tratamento após agressão e seus filhotes irão para adoção na cidade de Patos

Os voluntários da Organização Não-Governamental Adota Patos se depararam com mais um caso que trouxe indigna&cce...

Gerais

Agente de trânsito explica polêmica de viatura que estacionou próximo a rampa de acessibilidade. Escute

O agente de trânsito Antônio Coelho, pertencente à STTRANS de Patos, falou à imprensa local nesta segunda-feira, d...

Gerais

Presidente do Patos Tênis Clube lança Edital de Recadastramento de Sócios. Veja

Com a finalidade de dar prosseguimento a regularização e futura definição do clube, o presidente do Patos T&ecir...

© 2011 - 2019. Radio Espinharas - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: